ANAIS DO SIMPÓSIO INTERNACIONAL RELIGIÕES, POLÍTICAS E MÍDIAS NA AMÉRICA LATINA

 

(MODELO PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO PARA OS ANAIS)

Título:

Em fonte Times New Roman, tamanho 12, negrito, caixa alta e baixa (só iniciais maiúsculas), usando no máximo 200 caracteres, cerca de duas linhas. Não usar sublinhado e usar itálico só para grafias de palavras estrangeiras, centralizado. Como primeira nota de pé de página¹ (na primeira página), deverá ser indicado o Simpósio ao qual o trabalho está sendo submetido.

¹ Exemplo: Trabalho apresentado no Simpósio Internacional Religiões, Políticas e Mídias na América Latina, realizado São Paulo, SP, de 04 a 06 de Outubro de 2016.

Inserir abaixo do título o(s) nome(s) do(a/s) Autor(a/es) em fonte (tipo) Times New Roman, tamanho 12, redondo (normal), com o último nome em maiúscula, centralizado. Inserir nota de rodapé onde devem ser indicados os créditos do/a(s) autor/a (es/as): titulação, vinculação institucional e e-mail.

Resumo Expandido:

Inserir o resumo do trabalho, utilizando fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento simples entre as linhas. Mínimo de 1000 e máximo de 2000 caracteres, com espaços, num só parágrafo.

No resumo devem constar: objetivos do trabalho, as bases teóricas de análise e interpretação (os autores e as teorias fundamentais); o corpus de análise e interpretação (se houver); a metodologia aplicada e as conclusões alcançadas.

Palavras-chave:

Inserir aqui as palavras-chave, em sequência na mesma linha, podendo ter um mínimo de 3 (três) e o máximo de 5 (cinco) palavras-chave, separadas por; (ponto e vírgula). Usar fonte Times New Roman, tamanho 12.

Corpo do trabalho:

Inserir aqui o texto do corpo do trabalho, usando exclusivamente a fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento 1,5 entre as linhas e margens justificadas com o máximo de 15 páginas, incluindo as referências bibliográficas, tabelas e ilustrações. Para os destaques, usar, apenas, o corpo itálico (grifo), excluindo-se totalmente o sublinhado e palavras em caixa alta (a não ser em siglas que não formem palavras, exemplo CNPq), nas referências bibliográficas e nos sobrenomes dos autores. O negrito poderá ser usado, exclusivamente, para destacar os subtítulos ou divisões do trabalho, sempre no mesmo tamanho 12, em caixa alta e baixa.

As citações de mais de 3 linhas devem ser digitadas em corpo 11, com espaçamento simples entre as linhas e destacadas do texto por margem esquerda maior que a do parágrafo; as citações de até três linhas devem integrar o corpo do texto e ser assinaladas entre aspas. (VIEIRA, 2005, p.79).

Subtítulos e divisões devem ser numerados da seguinte forma: 1. 2. 3. As subdivisões ou intertítulos subordinados devem ser numeradas: 1.1; 1.2.

__________________
1. Inserir as notas do texto [inclusive as do título e do(s) autor(es)] em fonte (tipo) Times New Roman (não usar sublinhado e usar itálico só para grafia de palavras estrangeiras), tamanho 9 (nove), com espaçamento simples entre as linhas. As notas devem ser colocadas no pé de página, em modo de impressão (devem ficar visíveis na página).

Os trabalhos poderão incluir, dentro dos limites de 15 páginas ou 33 mil caracteres com espaços, tabelas e ilustrações, no corpo do texto ou como apêndices, no próprio arquivo do trabalho. Recomenda-se sejam usadas imagens em formato JPG, excluindo-se o uso de arquivos BMP. Recomenda-se, ainda, que o tamanho das imagens em bytes seja o menor possível, para evitar problemas de transmissão do trabalho via internet. Caso haja problemas no envio, solicita-se entrar em contato no e-mail: religioespoliticasmidias@gmail.com

Referências bibliográficas:

Inserir aqui as referências bibliográficas sob o título REFERÊNCIAS (negrito), em fonte Times New Roman, tamanho 11 (onze), com espaçamento simples entre as linhas. As referências bibliográficas, no fim do trabalho, devem ter os dados completos e seguir as normas da ABNT 6023 para trabalhos científicos. Cada referência deve ocupar um parágrafo e devem estar separados por dois espaços simples.

ATENÇÃO:
NÃO se esqueça de formatar seu arquivo utilizando o este modelo com o cabeçalho do evento.
NÃO esqueça também, reafirmamos, de deletar as indicações das normas em cada um dos itens. Assim, ao inserir o título ou o resumo, por exemplo, delete as instruções e coloque apenas seu título, resumo, etc.
3) Antes de submeter o arquivo, lembre-se de salvá-lo em formato PDF.
(Veja modelo a seguir)(MODELO DA ESTRUTURA DO TRABALHO)

Título em Caixa Alta e Baixa

Ana dos SANTOS
José SOUZA

RESUMO

Onon ono ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on.

PALAVRAS-CHAVE: religião; mídia; igrejas; islamismo; publicidade.

TEXTO DO TRABALHO

Onon ono ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono

1. xxxxxx

onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon

1.1 xxxxxx

onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on ononono onon on

REFERÊNCIAS
HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 1999.
AUGÉ, Marc. Não-lugares: introdução a uma antropologia da supermodernidade. Trad. Maria Lucia Pereira. Campinas: Papirus, 1994.

Obs.: verificar outros exemplos na norma da ABNT 6023.

Anúncios